Ableton Link começa a chegar em outros softwares e aplicativos para PCs

O Reason, Serato DJ e o Max foram os primeiros a integrar a tecnologia de sincronização de tempo

Compartilhe

Receba nossa newsletter
Dezembro/Janeiro 2017 Edição do Mês

Da Redação


 

Desde seu lançamento no começo deste ano, a tecnologia Link da Ableton tornou a colaboração musical com aplicativos iOS algo muito mais fácil. Ao sincronizar o tempo dos apps sob uma mesma rede local, o sistema permite que músicos esqueçam o aborrecimento de conectar e configurar todos os equipamentos e podem se focar em tocar juntos. O Link não estabelece master ou slave – todos os usuários podem mudar o tempo de uma performance rapidamente.

Originalmente suportado no Ableton Live e em uma variedade de apps para iOS, o Link agora está chegando para ainda mais instrumentos eletrônicos.

O Reason da Propellerhead, o Serato Dj e o Max da Cycling 74 serão os próximos a integrar o Link em seus aplicativos para PCs. Além disso, a Ableton tornou a tecnologia um projeto de código aberto, de forma que desenvolvedores possam usar o Link em seus próprios softwares.

Se o padrão realmente for adotado massivamente – e isso é muito mais possível agora que o protocolo se tornou aberto – isso pode ter grandes implicações para todos os músicos.

Com mais músicos usando aplicativos compatíveis, será possível que eles entrem diretamente nas performances ao vivo, não importando o que eles estiverem tocando. É possível disparar efeitos em um iPad com sincronização perfeita com o show ou, ainda, juntar-se a outros e combinar diversos aplicativos em vários dispositivos. Se o usuário está conectado na mesma rede, o Link promete manter tudo no mesmo tempo. Além disso, se o usuário não confiar em uma conectividade wireless, é possível conectar-se ao palco via cabo ethernet.

“Nós estamos realmente otimistas sobre a potencial adoção do Link por outros desenvolvedores”, diz um representante da Ableton. “Nós acreditamos que isso irá encorajar a colaboração entre diversas plataformas para criação de músicas e ajudará a diminuir as barreiras criativas entre usuários de diferentes softwares e dispositivos”.

Com o Link se tornando de código aberto, os desenvolvedores podem explorar novas possibilidades para a tecnologia em seus próprios softwares para computadores e aplicativos móveis. O código está disponível juntamente com o SDK para iOS no Github.

Notícias Relacionadas